GRADUAÇÃO DE FAIXA-PRETA
 

Essa modalidade recebe o sistema de graduação da FPJJ.

CAPITULO PRIMEIRO

Sistema de faixas e idades correspondentes

I. BRANCA – Iniciante, qualquer idade

II. CINZA – 04 a 06 anos

III. AMARELA – 07 a 15 anos

IV. LARANJA – 10 a 15 anos

V. VERDE – 13 a 15 anos

VI. AZUL – 16 anos ou mais

VII. ROXA – 16 anos ou mais

VIII. MARROM – 18 anos ou mais

IX. PRETA – 19 anos ou mais

X. VERMELHA E  PRETA

XI. VERMELHA

 COR / IDADE

 

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Branca

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cinza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Amarela

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Laranja

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Verde

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Azul

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Roxa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Marrom

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Preta

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parágrafo Primeiro – Todas as idades a serem observadas a seguir devem ser calculadas pelo ano do nascimento. Logo a idade do atleta é sempre a que ele irá completar no ano corrente. Obs:- Para obter a faixa roxa aos 16 anos o atleta tem que ter sido faixa verde por no mínimo 2 anos

> Para obter a faixa roxa aos 17 anos o atleta tem que ter sido faixa verde por no mínimo 1 ano e azul por 1 ano
> Caso o atleta seja graduado da faixa verde direto para a roxa o tempo de carência para a marrom passa a ser de 2 anos
> Para obter a faixa preta aos 19 anos o atleta tem que ter sido marrom por 1 ano

CAPÍTULO SEGUNDO


Sistemas de faixas e seus tempos mínimos obrigatórios

AZUL PARA ROXA
– 2 ANOS
ROXA PARA MARROM – 1 ANO E ½
MARROM PARA PRETA – 1 ANO

Os tempos acima devem ser contados a partir do dia do cadastro do atleta na FPJJ em cada faixa.
O tempo que o atleta vai levar para ser graduado fica a critério de cada professor, devendo ser respeitada apenas a carência mínima em cada faixa.
Caso o atleta não tenha registro na FPJJ ou CBJJ da faixa anterior a solicitada para graduação, o mesmo deverá efetuar os seus registros retroativos das faixas anteriores, assim como a anuidade das mesmas.
As fichas de filiação deverão estar devidamente assinadas pelo professor responsável pela equipe atestando a faixa do atleta.


CAPITULO TERCEIRO


Sistemas de faixas e graus


Parágrafo primeiro – As faixas branca, cinza, amarela, laranja, verde, azul, roxa e marrom possuem 5 níveis de graduação: faixa lisa e mais 4 graus, sendo de responsabilidade do professor conceder esses graus em cada uma dessas faixas.
Parágrafo segundo – A faixa preta se subdivide em sete diferentes níveis de graduação: faixa preta lisa e mais 6 graus que serão concedidos pelas entidades oficiais, mediante o seguinte critério:

1. O atleta somente está apto a ser faixa preta a partir dos 19 anos de idade.

2.Para requerer o registro de faixa preta na FPJJ e necessário estar filiado a FPJJ e CBJJ no ano corrente, apresentar curso de primeiros socorros e ter sido aprovado no curso de arbitragem dentro do período de 12 meses.

3. O faixa preta pode requerer o 1º grau depois de 3 anos na faixa. Para tal o mesmo precisa ter carteira da FPJJ renovada anualmente durante esse período.

4. O faixa preta pode requerer o 2º ou 3º graus 3 anos após ter obtido o grau anterior se tiver renovado a carteira da FPJJ anualmente durante esse período.

5. O faixa preta pode requerer o 4º, 5º, ou 6º graus, 5 anos após ter obtido o grau anterior. Para isso e preciso:- ter renovado a sua filiação na FPJJ anualmente durante esse período.

6. O Faixa preta 6º grau, somente poderá requerer a faixa vermelha e preta 7º grau 7 anos após ter obtido o 6º grau junto a CBJJ cumprindo as determinações por ela imposta.

7. O Faixa vermelha e preta 7º grau somente poderá requerer a faixa vermelha e preta 8º grau 7 anos após ter obtido o 7º grau.junto a CBJJ cumprindo as determinações por ela imposta.

8. O Faixa vermelha e preta 8º grau somente poderá requerer a faixa vermelha 9º grau 10 anos após ter obtido o 8º grau junto a CBJJ cumprindo as determinações por ela imposta

9. O ano que o atleta não renovar a carteira da FPJJ, não contará como tempo para obtenção de grau.

10. A faixa vermelha décimo grau é conferida apenas aos pioneiros do Jiu-Jitsu: Carlos, Oswaldo, George, Gastão e Hélio Gracie, conhecidos como irmãos Gracie.


CAPÍTULO QUARTO


Professores aptos a graduar


Será considerado professor o atleta graduado faixa preta ponta vermelha, que poderá assinar a  ficha de filiação de um atleta graduado nas faixas cinza, amarela, laranja, verde, azul, roxa e marrom, desde que devidamente graduado e em dia com suas obrigações junto a FPJJ.

A ficha de filiação de um atleta graduado faixa preta deverá ser assinada por um faixa preta que tenha no mínimo 2 graus e seja diplomado pela FPJJ o CBJJ.


CAPÍTULO QUINTO

Instrutores

Será considerado instrutor o atleta graduado faixa roxa ponta vermelha e faixa marrom ponta vermelha, devidamente assistidos por um faixa preta ponta vermelha, ambos devidamente registrados e em dia com suas anuidades junto a FPJJ.
Os instrutores faixa roxa ponta vermelha e marrom ponta vermelha somente poderão graduar até a faixa imediatamente inferior a sua.

PARÁGRAFO ÚNICO

A FEDERAÇÃO PAULISTA DE JIU-JITSU SOMENTE IRÁ FORNECER REGISTRO DE FAIXA PRETA ÀQUELES QUE COMPROVAREM A ORIGEM DE CADA FAIXA QUE A ANTECEDE.

 



Federação Paulista de Jiu-Jitsu.
Todos os Direitos Reservados.